Casal suspeito de participar da morte de dono de lotérica em Garça é detido

Casal suspeito de participar da morte de dono de lotérica em Garça é detido

A Polícia Civil de Garça deteve na manhã desta sexta-feira (10) um casal suspeito de envolvimento no latrocínio de um dono de casa lotérica da cidade. O crime ocorreu em fevereiro deste ano e foi flagrado por câmerasde segurança.


O casal foi localizado e detido em São Paulo e encaminhado para a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Marília, onde prestou depoimento nesta sexta-feira.

O empresário Flávio José Vieira morreu após reagir ao assalto em frente à Caixa Federal no dia 11 de fevereiro. As imagens da câmera de segurança ajudaram nas investigações.


Segundo investigações da Polícia Civil, o casal é integrante de uma quadrilha da capital paulista especializada em roubar malotes de casas lotéricas.


No dia do crime, o empresário chegava ao banco com o malote quando foi abordado por um homem armado em uma moto. Ele reagiu e chegou a lutar contra o criminoso. Ele foi atingido por três tiros.


O ladrão fugiu na moto junto com um comparsa. Os bombeiros foram acionados para socorrer à vítima, mas ela não resistiu. Um inquérito foi instaurado na Polícia Civil como latrocínio.

Flávio José Vieira morreu baleado ao reagir a assalto em Garça — Foto: Arquivo pessoal