Estudante recém-habilitada bate carro em viatura da PM e acidente viraliza em Franca

Estudante recém-habilitada bate carro em viatura da PM e acidente viraliza em Franca

Uma jovem de 18 anos, natural da cidade de Franca, em São Paulo, virou assunto nas redes sociais ao longo das últimas horas por conta de uma situação inusitada. Recém-habilitada, ela dirigia o carro dos pais nessa terça-feira (27) quando sofreu um acidente. Como se não bastasse bater o veículo, ela ainda atingiu uma viatura da Polícia Militar (PM). E o automóvel utilizado pelos policiais chegou a capotar com o impacto da batida.

Carol Antoniete fez fotos no local da ocorrência, a avenida dos Sapateiros, em Franca, logo após o acidente. As imagens foram publicadas no Twitter e rapidamente viralizaram. Ao todo, os cliques já contam com mais de 33 mil retuítes, além de outras 169 mil curtidas.

“- Alô! Mãe bati o carro!
– MDS! Tudo bem? Chamou a polícia?
– Não precisou, já tava aqui…”, escreveu a jovem na legenda da postagem.

Nos comentários, internautas de diferentes partes do país repercutiram o acidente protagonizado pela jovem, a maioria deles se identificando com a dificuldade de dirigir logo nos primeiros dias de habilitação.
 
– Alô! Mãe bati o carro!
– MDS! Tudo bem? Chamou a polícia?
– Não precisou, já tava aqui…


O BHAZ conversou com a estudante nesta quarta-feira (28) a respeito da situação. Ela contou que não imaginava que o acidente ganharia tanta repercussão e que ninguém foi ferido na ocorrência. “Eu fiquei bem calma depois que o acidente ocorreu. Nem esperava tanta repercussão, mas acho que as pessoas se identificaram”, conta.

Segundo Carol, depois do acidente, ela precisou prestar depoimento e foi liberada. No Twitter, ela também contou não ter sofrido nenhuma penalidade, já que os policiais consideram que ela não infringiu nenhuma lei e que não estava errada. “O acidente não foi tão feio na hora, mas parece por conta da viatura capotada. Eu peguei minha carteira (CNH) há menos de uma semana e fui dirigir para não ter trauma de carro”, conta.

A jovem ainda diz que terá mais malícia da próxima vez em que for dirigir. Ela conta que estava levando a irmã para a faculdade e que reduziu a velocidade quando chegou perto de uma aviso de “Pare”. O carro estava perto de uma rotatória e ela seguiu em frente, onde a viatura estava. Ela confundiu os pedais e acelerou em vez de frear.

A Polícia Militar informa que uma sindicância foi aberta para apurar as circunstâncias do acidente, já que a viatura é patrimônio do Estado. “Ela estava no sentido universidade e imaginou que a viatura fosse parar. A princípio, ela disse que teria se confundido com os pedais e, ao invés de pisar no freio, acelerou”, disse o tenente Luciano Pereira, que esteve no local, em entrevista ao UOL.