Paraguaçu conta com Atividade Delegada desde março

Paraguaçu conta com Atividade Delegada desde março

Com o objetivo de reforçar a segurança em Paraguaçu, a Atividade Delegada está sendo desenvolvida desde o início de março no município.

A iniciativa foi implementada por meio de um convênio firmado no dia 25 de fevereiro entre a prefeitura e o Estado e permite que policiais militares prestem serviço de patrulhamento ao Município durante o período de folga na corporação e sejam remunerados pelas horas trabalhadas. A adesão é voluntária.

A Atividade Delegada era um debate que vinha se estendendo há oito anos que se tornou realidade em nosso município por meio do apoio do prefeito Antian que acredita no projeto.

"É com certeza um importante reforço na segurança da nossa cidade", destaca.

Por meio da Atividade Delegada, aumenta-se o efetivo policial nas ruas, focando as atividades no comércio e também nas áreas rurais, trazendo maior sensação de segurança para toda comunidade. O plano de trabalho tem a frente o comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar, Ronny Emersom Gomes, e o diretor do Departamento de Segurança do município, Valdinei da Fonseca.

O convênio, destaca o prefeito, é resultado dos esforços dos ex-vereadores Cícero Ribeiro e Ricardo Valarelli que apresentaram emenda impositiva para implantação da Atividade Delegada em Paraguaçu.

"Esta emenda foi apresentada quando o Cícero Ribeiro e o Ricardo Valarelli eram vereadores para ser implantada a atividade em Paraguaçu. Porém, terminou o mandato de ambos e não foi concluída. Eu ao assumir meu mandato, corri atrás para não perdermos o convênio e os valores que havia sido destinado para implantação. Graças a Deus no mês de março/abril, com o apoio do Departamento de Trânsito, conseguimos concluir e hoje está funcionando", ressalta o vereador Fábio Santos.