Paraguaçuense morre aos 37 anos vítima de AVC

Paraguaçuense morre aos 37 anos vítima de AVC

Morreu por volta das 17h desta terça-feira, dia 28, a paraguaçuense Ângela Maria da Silva Pilan, aos 37 anos, vítima de AVC – Acidente Vascular Cerebral. Ela é filha dos proprietários do Bambi Lanches, local onde sempre esteve presente.

No último dia 17, Ângela teve um AVC Hemorrágico e foi transferida da Santa Casa de Paraguaçu Paulista para o Hospital Regional de Assis, onde, no mesmo dia, passou por uma cirurgia para retirada do coágulo. Ela apresentava melhoras no seu quadro clínico, mas hoje ela teve um agravamento que a levou a óbito.

Ângela também trabalhava como fonoaudióloga no CEM – Centro de Especialidades Médicas de Paraguaçu Paulista.

Ela deixa o seu esposo, Juliano, os seus pais, Paulo e Vanda, e as suas irmãs, Aline e Ana Paula. Fonte: 17 Notícias